Câmera na Estrada

Fotografia, viagem e os dois juntos!

Category: Equipamentos (page 1 of 8)

Novo iPad Pro vai rodar versão completa do Photoshop

ipad pro

Foto: www.apple.com

O novo iPad Pro da Apple traz novidades em processamento, tela e interface que permitirão rodar a versão full do Adobe Photoshop. O novo modelo está equipado com tela Liquid Retina de 11″ e 12.9″ com novo sistema de backlight, gama de cores melhorada, revestimento anti reflexo e rate de 120Hz. Além disso, estão disponíveis modelos com até 1 terabyte de memória. A performance não fica atrás. O novo iPad Pro vem equipado com chip A12X Bionic que a Apple afirma ter performance melhor que a maioria dos notebooks do mercado. Para facilitar o uso do novo aplicativo, o iPad Pro vem com a Apple Pencil, uma nova caneta para uso diretamente na tela e controle das funções dos aplicativos.

ipad pro

Foto: www.apple.com

Essa tecnologia de performance e tela chamou a atenção da Adobe que decidiu lançar uma versão full do seu famoso software Photoshop para rodar no iPad Pro. Atualmente, dispositivos iOS e Android contam com o Photoshop Express, uma versão simplificada do aplicativo. Esse lançamento que deverá ocorrer em 2019, vai trazer uma nova e poderosa ferramenta para fotógrafos. Os profissionais serão capazes de analisar e iniciar a pós-produção das fotografias ainda no local onde a produção está sendo realizada. Isso pode permitir refazer fotografias ao invés de corrigir eventuais imperfeições posteriormente na pós-produção.

Os preços variam entre US$799 e US$1899 dependendo do tamanho da tela e memória.

Mais informações sobre o iPad Pro podem ser encontradas no site oficial da Apple:  www.apple.com/br/ipad-pro

Novidades sobre o Photoshop podem ser encontradas no site da Adobe: www.adobe.com/br/products/photoshop.html

Phase One lança câmera XF IQ4 com 151 Megapixel

xf iq4

Foto: www.phaseone.com

A Phase One é um fabricante de equipamentos fotográficos dinamarquês, famoso por produzir sistemas fotográficos de alta qualidade e sensores poderosos. São câmeras fotográficas e filmadoras de médio formato com sensores até 2,5x maiores que uma DLSR full frame 35mm.

Seu mais recente lançamento é o sistema XF IQ4 com câmeras de 100 e 151 megapixel. São sensores de alta tecnologia com latitude de até 15 pontos. Além disso, o fabricante preza pela fidelidade de cores captadas pelos sensores da marca. O sistema é todo modular, com corpo, back, objetivas e visor separados. As câmeras tem slot duplo de cartões e aceita padrões XQD e SD.

xf iq4

Foto: www.phaseone.com

A Phase One também produz o software Capture One para fotografia com câmeras conectadas diretamente a computadores, smartphones e tablets. A XF IQ4 pode fotografar conectada por Wi-Fi, USB ou Ethernet.

Os preços variam entre US$ 47.990,00 e US$ 54.990,00. Mais informações sobre a XF IQ4, clique aqui para entrar no site oficial da Phase One.

O mestre Ansel Adams

Ansel Adams

Foto: Ansel Adams

Ansel Adams nasceu nos Estados Unidos em 1902 e não foi só um dos maiores fotógrafos da história. Ele foi também responsável por uma grande evolução da fotografia.

Aos 14 anos, ele viajou com a família ao Parque Nacional de Yosemite na California e fotografou as paisagens usando uma Kodak Brownie Nº1. Nascia aí uma paixão! Daí em diante, ele voltou todos os anos ao parque e fez por lá a maioria das suas grandes fotografias.

Os equipamentos

ansel adams

Adams usou equipamentos de todos os tipos. Além da Brownie, usou também Polaroid, Zeiss Contax de 35mm, Hasselblads de médio formato e as gigantes Deardorff de madeira. Por sinal, Adams devia ser muito forte porque essa câmera era muito pesada. Pouca gente sabe mas, nos final de sua vida, Ansel Adams se interessou pela tecnologia digital que despontava na época. Apesar da grande maioria de suas fotografias serem de natureza em preto e branco, fotografou todo tipo de assuntos usando também filmes coloridos.

As técnicas e contribuições de Ansel Adams

Muito mais do que somente fotografar belas paisagens dos Estados Unidos, o fotógrafo criou o famoso sistema de zonas, uma técnica fotográfica para medições perfeitas de luz que melhor se adaptem a cada tipo de mídia (diferentes tipos filme, aplicável também para o sensor digital). Escreveu vários livros, entre eles A Câmera e O Negativo, verdadeiras aulas de fotografia que ensinam técnicas que podem ser aplicadas ainda hoje a qualquer mídia fotográfica. Adams também se tornou ativista pela preservação de áreas naturais e integrou associações visando o desenvolvimento da fotografia como o grupo f/64, criado em parceria com o fotógrafo Willard Van Dyke.

 

Ansel Adams

Foto: Ansel Adams

 

Ansel Adams

Foto: Ansel Adams

 

Ansel Adams

Foto: Ansel Adams

Mais informações podem ser encontradas no site www.anseladams.com. Pra quem tiver muitos dólares sobrando, é possível também comprar ampliações originais.

Fogareiro sustentável com gerador de eletricidade

fogareiro sustentável

Foto: www.bioliteenergy.com

Camping está se tornando a cada dia mais confortável e tecnológico. Agora existe todo tipo de produtos pra levar pra barraca e parecer que você está num quarto de hotel. Imagine então que você está cozinhando num acampamento e pode utilizar o calor fornecido pela queima da madeira para gerar energia. É isso que o fogareiro Biolite CampStove faz.

O fogareiro sustentável possui um recipiente onde é colocada a madeira a ser queimada. O calor gerado pela queima ativa um módulo termoelétrico que gera eletricidade. Essa eletricidade aciona um ventilador de 1W que incrementa a queima aproveitando melhor o material. E tudo isso com pouca fumaça!

Mas não para por aí. A energia elétrica restante alimenta uma porta USB onde é possível ligar uma luminária ou até mesmo carregar seu celular. A BioLite produz também outros modelos e acessórios para cozinha em acampamento e parte do valor arrecadado com a venda é destinada à produção de energia sustentável em comunidades carentes da Africa. Sustentabilidade levada a sério!

Mais informações sobre o fogareiro sustentável Biolite CampStove e outros produtos, no site do fabricante www.bioliteenergy.com

Nova GoPro Hero7 com estabilização de imagem

gopro hero7

Foto: www.gopro.com

A GoPro lançou neste mês sua mais nova câmera de ação: a Hero7 com estabilização de imagem. É o primeiro modelo da marca com o novo recurso que promete vídeos mais uniformes e nítidos.

A Hero7 Black Edition, modelo top de linha, faz vídeos em 4K a 60fps e FullHD em até 240fps, possibilitando fazer slow motion de alta qualidade. A nova câmera de ação também registra imagens de até 12 megapixel em até 30fps. Todos as versões da Hero7 vem com WiFi, display touch de 2″ e são à prova d’água até 10m sem a necessidade do uso do case. A Hero7 também terá as versões Silver e White com menor resolução e sistema de estabilização de imagem mais simples.

A principal novidade alias é, com certeza, a estabilização de imagens. A marca promete que as imagens serão estáveis e uniformes como aquelas feitas com o uso de um gimbal (acessório para estabilização de câmeras em filmagens).

A GoPro Hero7 com estabilização de imagem está em pré-venda. Os preços são os seguintes:

  • Hero7 Black Edition – US$399
  • Hero7 Silver Edition – US$299
  • Hero7 White Edition – US$199

Mais informações, clique aqui e veja o site oficial da Hero7.

4 Dicas para não perder suas fotos em viagens

cartão de memória

Foto: www.pixabay.com

Tem gente que adora fotografar durante as viagens e tem gente que viaja só pra fotografar. Agora, imagina que você fez 1000 fotos num lugar maravilhoso e aí você perde um cartão de memória cheio. Ou então, o cartão dá erro e corrompe os arquivos ou você tem seu equipamento e cartões roubados. Não dá pra correr um risco desses então, aqui vão 4 dicas pra você não perder suas fotos em viagens, ou mesmo numa saída fotográfica na sua própria cidade:

  1. Tenha cartões de memória de boa qualidade em quantidade suficiente pra todas as suas fotos – Em primeiro lugar, nunca compre cartões de memória genéricos ou de origem duvidosa. Eles são muito mais propensos a dar algum tipo de defeito e corromper suas fotos. Se possível, tenha cartões suficientes para comportar todas as suas fotos sem ter que reutiliza-los numa mesma viagem.
  2. Faça backup dos cartões – Infelizmente, essa opção nem sempre é possível porque nem sempre levamos um notebook nas viagens. Sempre que possível, faça backup das suas fotos num computador, HD externo e, principalmente, num disco online (se você é um fotógrafo profissional, é uma obrigação ter um drive online!). Já existiram HDs com leitor de cartão que funcionam sem computador mas não são muito fáceis de encontrar no Brasil e a maioria dos fabricantes, como a Wolverine, já tirou de linha.
  3. Não apague suas fotos depois do backup – Mesmo que você tenha um computador e faça cópia de segurança dos cartões todos os dias, não apague essas fotos do cartão. No pior dos casos, se acontecer alguma coisa com o notebook ou HD, você ainda tem as fotos nos cartões. Por isso, é legal ter cartões de memória pra todas as fotos, assim você não precisa apagar os cartões pra usar de novo.
  4. Mantenha os cartões cheios seguros – Se você faz uma viagem ou uma saída fotográfica, alguma coisa pode acontecer ao seu equipamento durante os deslocamentos. Você pode ter sua bagagem extraviada ou mesmo furtada. Guarde seus cartões de memória no bolso ou em algum lugar seguro pra manter suas fotos seguras mesmo que você perca seu equipamento.

Bolsas e alças fashion para câmeras

capturing couture

Foto: www.capturingcouture.com

Cansado das bolsas quadradas pretas? Ou da alças com a marca do fabricante? Que tal poder mostrar seu estilo não só nas suas fotos mas também na bolsa de equipamentos?

A Capturing Couture é uma empresa fundada na Califórnia que desenvolveu uma linha de bolsas e alças fashion para câmeras, diferenciadas no formato, estampas e materiais, sem deixar de lado a proteção para suas câmeras e objetivas. Ao invés do tradicional material sintético, os produtos são feitos em diversos tipos de tecidos e dá até pra combinar a bolsa da câmera com a roupa. Os produtos incluem alças de diversos tamanhos e larguras, engate rápido, alça tipo cachecol, bolsas protetoras para equipamento fotográfico em diversos formatos e até cordão para prender a tampa das objetivas.

capturing couture

Foto: www.capturingcouture.com

 

capturing couture

Foto: www.capturingcouture.com

Pra quem quiser algo além da fotografia, a marca fabrica também outros tipos de bolsas, alças para instrumentos musicais e até coleiras para seu dog. Infelizmente os produtos ainda não estão á venda no Brasil e precisam ser importados. Conheça a linha completa no site do fabricante: www.capturingcouture.com

Comparativo mirrorless full-frame: Canon vs Nikon

mirrorless full-frame

Fotos: Sites dos fabricantes

As câmeras mirrorless estão em alta, todos os grandes fabricantes estão lançando modelos mais avançados pra conseguir uma fatia desse mercado, ainda mais com os novos lançamentos de mirrorless full-frame. Alguns profissionais estão largando suas DSLR pra comprar mirrorless e outros falam que isso é só moda e que vai passar. Já usei mirrorless e ainda não quero trocar, não que seja ruim mas eu adoro o visor ótico e a “pegada” da DSLR! Quem sabe um dia.

Bom, no final de agosto de 2018, a Nikon lançou duas mirrorless com sensor fullframe: a Z6 e a Z7. Alguns dias depois, em 5 de setembro de 2018, foi a vez da Canon lançar sua versão: a Canon EOS-R. Abaixo tem as principais características e diferenças entre os modelos top das marcas, a Z7 e a R pra você que quer comprar uma delas:

Nikon Z7
  • Sensor: BSI CMOS Full-frame 45.7 Megapixel
  • ISO: 64-25600
  • Vídeo: 4K 30fps, 1080p 120fps
  • Visor: QVGA 3,6 milhões de pontos
  • LCD: Móvel Touch 3,2″, 2,1 milhões de pontos
  • Foco: 493 pontos AF
  • Filtro low-pass: Não
  • Montagem: Nikon F
  • Peso: 585g
  • Outros recursos: 9fps, Wi-Fi, Bluetooth, weather-proof
  • Preço: US$3399
  • Mais informações: Site oficial da Nikon Z7

 

Canon EOS-R
  • Sensor: CMOS Full-frame 30.4 Megapixel
  • ISO: 100-40000
  • Vídeo: 4K 30fps, 1080p 60fps
  • Visor: OLED 3,9 milhões de pontos
  • LCD: Móvel Touch 3,2″, 2,1 milhões de pontos
  • Foco: 5655 pontos AF
  • Filtro low-pass: Sim
  • Montagem: Canon RF com adaptador para EF
  • Peso: 580g
  • Outros recursos: 8fps, Wi-Fi, Bluetooth, weather-proof
  • Preço: US$2299
  • Mais informações: Site oficial da Canon EOS R

 

Apesar de ambas serem ótimas câmeras, parece que a Nikon resolveu ser mais ousada e colocar mais capacidades na Z7 como um sensor mais moderno e com maior capacidade além de mais recursos de vídeo. A Canon por outro lado surpreendeu na capacidade de foco e na nova montagem RF, pronta pra novas evoluções em matéria de objetivas além de adaptadores para usar toda a linha de objetivas EF. Além disso, pra quem quer uma mirrorless full-frame, vale a pena ver os modelos da Sony e Fuji. Qualquer que seja sua escolha, vai ter nas mãos muita diversão!

Meu kit de sobrevivência

www.cameranaestrada.com

www.cameranaestrada.com

Costumo viajar sozinho com certa frequência e muitas vezes, vou a locais pouco frequentados através de estradas e trilhas onde passam poucas pessoas e de difícil acesso. Estar sozinho em locais ermos não é a prática mais recomendada então é preciso estar preparado para imprevistos, ou seja, ter tudo à mão de modo a se virar sozinho no caso de um acidente, veículo quebrado, bloqueio do caminho de volta ou simplesmente se eu me perder.

Mesmo que não esteja indo para um lugar isolado, carrego comigo um kit de sobrevivência com o suficiente para me manter durante alguns poucos dias. O conjunto todo fica dentro de uma bolsa compacta e resistente com cerca de 1kg. Abaixo a lista de itens que carrego nele:

  • Canivete suíço com o máximo de funções possíveis
  • Faca com serra e quebra vidro (mantida sempre afiada e com bainha)
  • Isqueiros, fósforos à prova d’água e pederneira
  • Corda/paracord
  • Fio dental (compacto e muito resistente)
  • Rádio de comunicação
  • Lanterna de cabeça com lâmpadas de LED (baixo consumo)
  • Pilhas extras para todos os equipamentos
  • Cobertor de emergência (também pode servir de barraca)
  • Espelho de sinalização
  • Kit de costura (para reparos em roupas e mochilas)
  • Cotonetes, algodão, gaze, band-aid e esparadrapo
  • Medicamentos diversos (seu médico pode fazer a lista)
  • Capa de chuva
  • Apito
  • Bussola
  • Anzol, linha e chumbo
  • Pastilhas purificadoras de água
  • Garrafa dobrável
  • Telefone celular protegido em saco tipo ziplock (comunicação, gps e manuais de sobrevivência)
  • Carregador solar
  • Barras de proteína e carboidratos

Lembrando que, mais importante que o kit, é saber usa-lo. Você pode ter informações no celular mas não dependa dele, tenha ao menos o básico na memória. Antes de sair, verifique a validade dos alimentos e medicamentos e reponha o que usou. E o mais importante, previna-se pra nunca precisar usar seu kit de sobrevivência.

Nikon lança câmera com zoom de 125x

nikon p1000

Foto: www.nikonusa.com

A Nikon lançou essa semana sua nova câmera prosumer Coolpix P1000. A nova câmera tem um sensor de 16 Megapixel, ISO 100-6400, faz fotos a 7fps e vídeos em 4K a 30fps, tem display móvel e estabilização de imagem. Mas a grande novidade da Coolpix P1000 é o novo zoom ótico de 125x.

A fabricante deu uma exagerada em matéria de zoom e colocou na Nikon P1000 uma objetiva equivalente a 24-3000mm, um pouco além da P900 que já impressionou com sua objetiva 24-2000mm. O fabricante promete que, com essa câmera, você vai conseguir fotografar detalhes da lua. E é verdade porém, a conversa é um pouco mais complexa.

Em primeiro lugar, existem restrições óticas. Um zoom 24-3000mm certamente irá perder qualidade ótica em parte ou em toda a sua extensão. Outro problema é a estabilização em zoom máximo. Segurando a câmera na mão, é praticamente inviável fazer fotografias a 3000mm. Para ter uma imagem bem definida, é preciso um tripé de ótima qualidade, qualquer outro irá tremer e provavelmente prejudicar a imagem. De qualquer modo, é uma ótima câmera com boa qualidade de imagem e vários recursos interessantes. É perfeita para imagens usadas na internet ou mesmo pra quem não procura um resultado profissional.

Abaixo, algumas fotos de exemplo feitas pela Nikon, lembrando que são imagens feitas nas melhores condições possíveis e com pós-produção profissional:

 

nikon p1000

Foto: www.nikonusa.com

nikon p1000

Foto: www.nikonusa.com

nikon p1000

Foto: www.nikonusa.com

O preço de lançamento é de US$999. Mais informações no site da Nikon P1000.

Older posts

© 2018 Câmera na Estrada

Theme by Anders NorenUp ↑